Dermatologia Estética


 Microagulhamento 

O microagulhamento é um técnica médica que utiliza um aparelho com microagulhas para tratar diversas patologias. Quando bem indicado e realizado por um profissional médico, apresenta ótimos resultados e raras complicações. É indicado para tratamento de estrias, rugas, cicatrizes, manchas e alopecias. O procedimento pode ser associado com drug delivery de vitaminas e medicamentos, por isso é importante ser realizado por um dermatologista para avaliar a melhor indicação. As micropunturas na pele estimulam o colágeno, melhoram a textura, coloração e o aspecto da derme.


Laser CO2 fracionado

Excelente no rejuvenescimento cutâneo (face, pescoço, colo e pálpebras) principalmente pela grande capacidade de estimulação na formação de novas fibras colágenas. Promove um efeito lifting ajudando na suavização e muitas vezes eliminação de rugas finas e profundas. Também atua em cicatrizes acneicas promovendo grande melhora das lesões. 

 

Toxina Botulínica

 

O Botox ou Toxina Botulínica tipo A é uma neurotoxina capaz de provocar a paralização temporária da musculatura tratada, promovendo um efeito lifting facial já que promove a suavização e muitas vezes o desaparecimento das rugas faciais (como as rugas da testa e ao redos dos olhos) e das linhas de expressão. Além disso, a toxina também permite a elevação sutil do canto das sobrancelhas, tornando o olhar mais aberto e com isso, dando um ar mais rejuvenescido e descansado. Em geral, uma semana após a aplicação da toxina já se pode observar os resultados positivos da mesma que podem durar de 4 a 6 meses. Após esse período, ela pode ser novamente aplicada.

 

Preenchimento com ácido hialurônico


Com o passar dos anos, nossa pele vai perdendo ácido hialurônico, substância responsável por preencher os espaços entre as células, deixando-a lisa e uniforme. Para compensar essa perda, contamos com os preenchimentos, que atuam melhorando a hidratação da pele e preenchendo espaços, diminuindo a formação de rugas. Ele se integra aos tecidos e permite a passagem de oxigênio e hormônios para as células, mantendo-as com aspecto saudável. O fato de possuirmos naturalmente o ácido hialurônico em nosso corpo praticamente elimina reações de rejeição.

O ácido hialurônico apresenta a mesma estrutura química em todas as espécies e tecidos o que o torna um material inerentemente biocompátível, impedindo que haja reação ao gel injetado.

Indicações:

  1. Correção de rugas e sulcos da face: sulco-nasogeniano, rugas periorais, rugas periorbitárias, elevação do canto labial inferior
  2. Contorno e aumento dos lábios
  3. Correção de cicatrizes

 

SkinBooster ( Hidratação injetável)

 

O Skinbooster consiste na aplicação de ácido hialurônico em micropartículas para hidratação profunda da pele, atenuando rugas finas, melhorando a aparência e devolvendo o aspecto de vitalidade.

Poder ser usado nas seguintes áreas:

  • Rugas finas ao redor dos olhos

  • Rugas da face de uma forma geral como complemento de outros tratamentos como Botox ou Preenchimento

  • Rugas no pescoço e colo (conhecidas como rugas do sono, que aparecem devido a má posição de dormir).

  • Dorso das mãos

  • Lábios enrugados

A aplicação é realizada com uma agulha bem fina, introduzida na derme média. E o tratamento consiste de 1 a  3 aplicações realizadas em intervalo de 30 dias. A quantidade de sessões depende do tipo de pele e do local a ser trtado.

Ao final do período é possível notar melhora da vitalidade e viço, redução das rugas e melhora no turgor do tecido.

A durabilidade do tratamento varia de 6 a 12 meses dependendo do paciente e pode ser associado a outros métodos de rejuvenescimento.

O ideal é o paciente realizar uma avaliação médica para definir o melhor tratamento para o que deseja tratar. Com bom senso e boas escolhas é possível manter uma pele sempre saudável e harmoniosa!


Intradermoterapia Capilar

Uma novidade no tratamento da alopecia androgenética é a intradermoterapia que consiste na introdução, através de injeções no couro cabeludo, de substâncias que vão tratar a queda de cabelos e estimular o crescimento de novos fios.
Considerando que a queda dos cabelos é dependente das concentrações locais de DHT, é lógico que se empregue, por via intradérmica, substâncias que bloqueiem a formação da DHT diretamente no couro cabeludo.
O uso da finasterida por essa via reduz a DHT em aproximadamente 70% após 10 sessões. Após 4 meses de tratamento obtém-se uma ótima repilação, ou seja além de reduzir a queda voltam a crescer fios nas área tratadas.
Também são associadas substancias que melhoram a circulação no couro cabeludo e agentes antiseborréicos.
Em geral realiza-se 10 sessões com intervalo de 1 semana seguidas de 5 sessões com intervalo de 15 dias e depois aplicações de manutenção mensais.
A intradermoterapia pode ser utilizada isoladamente ou combinada a tratamentos por via oral ou tópica.

 

Carboxiterapia

 

Carboxiterapia consiste na aplicação subcutânea de dióxido de carbono (CO2) com fins terapêuticos, melhorando a circulação e oxigenação dos tecidos. Uma vez que a carboxiterapia também estimula a formação de colágeno e novas fibras elásticas, ela também pode ser indicada para o tratamento de estrias, olheiras, e rejuvenescimento facial e corporal.

É possível notar a pele mais saudável, enrijecida e a redução de alguns centímetros nas medidas, normalmente, a partir da quinta a oitava sessão. O tratamento é divido em sessões, normalmente de 10 a 20 em terapias corporais e 5 a 10 sessões em terapias faciais, divididas em 2 x por semana durando entre 15 e 20 minutos. Não é necessário repouso e a pessoa em tratamento retorna às suas atividades normais logo ao final de cada sessão. 

A associação da carboxiterapia com outros tratamentos como peelings, mesoterapia, drenagem linfática e uma dieta orientada por profissionais aceleram os resultados do tratamento.

 

Peelings Químicos

Os Peelings Químicos consistem na aplicação de um ou mais agentes esfoliantes na pele, promovendo uma regeneração dos tecido epidérmicos e dérmicos. Essas técnicas promovem alterações na pele por meio de três mecanismos:

  1. Estimulação do crescimento epidérmico mediante a remoção do extrato córneo (camada superficial da pele)
  2. Destruição de camadas específicas de pele lesada, substituindo-o por novos tecidos, levando a um melhor resultado estético.
  3. Ocorre ativação de mediadores inflamatórios que podem induzir a produção de colágeno novo, substância fundamental na derme.

Podem ser utilizados diversos agentes nos peelings, cada um com sua ação específica.

O que os peelings podem fazer em nossa pele?

  • Corrigir as lesões de dermato-heliose (degeneração da pele pelos danos do sol)
  • Remover rugas superficiais
  • Atenuar cicatrizes suaves de acne
  • Retirar as manchas da pele
  • Atenuar estrias
  • Suavizar e tratar lesões acneicas

 Em geral, a maioria dos peelings podem ser realizados no consultório médico não oferecendo riscos aos pacientes se manejados por profissionais experientes e especialistas no assunto.

 

Peeling de Cristal

O peeling de cristal oferece a segurança e a eficácia no tratamento das manchas e do rejuvenescimento cutâneo principalmente quando associado as máscaras faciais. Imediatamente, ele remove pequenas imperfeições da pele, manchas e acne, fazendo a renovação celular e retirando as camadas mais superficiais, sem a descamação nos dias seguintes. Rapidamente, nota-se a pele mais sedosa e clara, podendo atingir também profundidades maiores no caso de pequenas cicatrizes, por exemplo.

 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!